Há minutos que fazem a diferença

O número de novos casos de Acidentes Vasculares Cerebrais ronda os 150 por cem mil habitantes por ano, existindo variações consoante a região do país. Os números são preocupantes e é essencial estar alerta. A prevenção é mais fácil e positiva do que o tratamento. Já pensou nos ganhos que terá a sua vida se conseguir evitar um AVC? Saiba como fazê-lo.

O Acidente Vascular Cerebral (AVC) predomina nos seniores, sendo o envelhecimento uma das causas da sua ocorrência. A Sociedade Portuguesa do AVC (SPAVC) considera-o como “uma catástrofe mundial, prevenível e tratável”. Para prevenir a ocorrência de um AVC, “é fundamental corrigir ou controlar factores de risco, ditos modificáveis, tais como a hipertensão arterial, a diabetes mellitus, cessar o tabagismo, combater a obesidade, o sedentarismo e a hipercolesterolemia”, defende a Dr.ª Teresa Fonseca, assistente graduada de Medicina Interna do Centro Hospitalar Norte (Hospital Pulido Valente).

A hipertensão arterial é o factor modificável mais importante, pois “é fundamental que os indivíduos mantenham os níveis tensionais baixos. A tensão arterial adequada para cada pessoa deverá ser determinada pelo seu médico, de modo individualizado, mas, se quisermos generalizar, uma pressão arterial considerada óptima será mais baixa que 120/80 mmHg”, acrescenta a especialista.

O AVC caracteriza-se ainda por outros factores de risco importantes, como por exemplo alguns tipos de arritmias cardíacas “ou estreitamentos provocados por placas ateroscleróticas nas artérias que irrigam o cérebro, e, nesses casos, a prevenção passará por uma medicação antiagregante ou anticoagulante, para que não se formem trombos ou êmbolos, ou até por uma cirurgia de revascularização das carótidas”.

Além de ser fundamental a prevenção primária, é importante não esquecer que, quem já teve um AVC, está em maior risco de desenvolver um segundo. Teresa Fonseca diz-nos que “um em cada seis sobreviventes terá um novo AVC em cada ano, podendo ser uma grande parte destas recorrências fatais ou incapacitantes. Assim, nesses casos, há que incrementar todas as medidas de prevenção possíveis”.



Partilhar:

Localização



Contactos

Rua da Restauração Lote 26 r/c Dt.
2410-161 Leiria

(+351) 244 829 083

geral@especialmedicos.pt

Como chegar até nós? (Link Google Maps)

Envio de mensagem para a Especial Médicos

Obrigado pela sua mensagem! Vamos ser breves na resposta.

Houve um problema no envio da sua mensagem. Por favor, tente novamente.

Preencha todos os campos no formulário antes de submeter.

© 2017 Especial Médicos, developed by SF Soluções and Web21


Partilhar: